terça-feira, 28 de julho de 2015

Homenagem da Rede Sul Bahia, da jornalista Vera Rabelo, aos 105 anos de Itabuna-Bahia
https://www.facebook.com/RedeSulBahia


O ANIVERSÁRIO DA CIDADE


Para Itabuna


A cidade é marca indelével
cravada num peito aberto.
Expressa, na dureza dos anos
e na fragilidade dos dias,
a erosão inevitável do tempo
que move as pedras pretas
ao sabor das águas turvas do rio.

A cidade comove os homens,
na sua falta de riso e paisagem,
em sua ausência de sentido e arte,
em sua dor de mácula e fome.
E se recente do tapa que fere o povo
e se debate na água suja que afoga os reis
e se contorce na tortura explícita que aniquila os sábios.

A cidade tão minha de paixão,
tão nossa de ilusão,
resiste aos dias ensimesmados
e toma o sol das manhãs,
a chuva das tardes
e as estrelas das noites
no aniversário dos anos.

Genny Xavier

3 comentários:

Jaime Portela disse...

A cidade da sua paixão é linda.
Tal como o poema, pese embora a "água suja que afoga os reis"...
Excelente poema, como sempre.
Genny, tenha um bom resto de semana.
Beijinhos.

heretico disse...

um dia (que espero em breve) talvez possa apreciar o poema com melhor conhecimento da tua cidade.

beijo

Jaime Portela disse...

Depois das férias, voltei para ver as novidades.
Mas a Genny também deve estar de férias... pelo menos dos blogues e da poesia está...
Tenha um bom resto de semana.
Beijinhos.